289 pessoas controladas na fronteira do Alentejo

No primeiro dia após o decreto de Estado de Emergência pela Presidência da República foram fiscalizados todos os pontos de passagem autorizados.

O controlo temporário das fronteiras foi reposto ao final da noite desta segunda-feira e, nas primeiras 24 horas, tinham sido controladas pelo SEF, com apoio da GNR, 289 pessoas nos três pontos de passagem autorizada localizados no Alentejo, segundo dados do Ministério da Administração Interna (MAI).

Segundo informações que o MAI adianta, em comunicado, o objetivo é “vedar as deslocações de cidadãos em turismo e lazer” de Espanha para Portugal. Para cumprir a missão, a tutela conta com o SEF para a fiscalização de documentos de pessoas e com a GNR para o controlo de viaturas e o respeito pela imposição entre os postos de passagem.

Não existiram, na região, registos de pessoas impedidas de entrar no país. Recorde-se que a circulação rodoviária está interdita nas fronteiras.