Barreiro vai instalar 90 postos de carregamento para veículos elétricos

A câmara vai instalar 90 postos de carregamento para veículos elétricos junto a zonas residenciais, em várias freguesias, para cobrir as necessidades da população e promover a sustentabilidade.

Em comunicado, o município refere que o Barreiro tem uma elevada densidade populacional e sofre com o impacto direto dos gases de veículos de combustão, com graves repercussões para a saúde das populações.

Nos últimos anos, é referido, a câmara investiu cerca de 20 milhões de euros em projetos que promovem a sustentabilidade.

O vereador do Planeamento, Ordenamento do Território e Informação Geográfica, Rui Braga, citado na nota, diz que estes novos postos de abastecimento “vão ser instalados de forma equilibrada pelo concelho, junto a zonas residenciais, em vez das habituais zonas de passagem, sem nunca pôr em causa as condições de acessibilidade, mobilidade e estacionamento”.

“Estes equipamentos têm sensores de medição de temperatura da qualidade do ar, o que nos permite uma melhor monitorização deste importante aspeto para a cidade”, destaca.

Também o presidente da câmara, Frederico Rosa, sublinha que a “promoção de um planeta mais limpo e sustentável (se faz) com medidas concretas de promoção e utilização de energias limpas”.

O autarca lembra que esta medida vem juntar-se a outras já tomadas como a iluminação pública em LED, a renovação total da frota de autocarros para gás natural e a plantação de mais de 1.000 árvores em contexto urbano.

A medida vem também juntar-se, segundo Frederico Rosa, a “projetos de combate a ondas de calor ou fenómenos extremos, como a naturalização do escoamento de águas pluviais ou a resolução de pontos críticos rodoviários, através da eliminação de semaforização, criando novas centralidades com maior mobilidade e fluidez de tráfego”.