Politécnico de Setúbal alarga formação a Amadora, Loures e Vila Franca de Xira

O instituto vai ministrar cursos técnicos superiores profissionais (CTeSP) nos concelhos da Amadora, Loures e Vila Franca de Xira. As candidaturas encontram-se abertas até 23 de setembro.

Numa nota de imprensa, o Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) refere que esta oferta formativa surge no âmbito da Plataforma de Ensino Superior Politécnico na zona norte de Lisboa. Uma plataforma que pretente disponibilizar uma oferta de proximidade, numa missão que envolve os politécnicos de Leiria, Santarém e Tomar, disponibilizando mais de 35 cursos em oito concelhos, para um universo de cerca de 900 estudantes.

“No caso do IPS, estarão abrangidos cerca de 100 estudantes, com uma oferta de CTeSP em regime pós-laboral nas áreas de Produção Audiovisual, Tecnologias e Programação de Sistemas de Informação (Amadora), Logística (Loures) e Tecnologias de Laboratório Químico e Biológico (Vila Franca de Xira)”, diz a mesma nota.

Na Amadora, os cursos serão lecionados na Escola Profissional Gustave Eiffel, em Loures, no Instituto Profissional de Transportes (IPTrans) e, em Vila Franca de Xira, no Agrupamento de Escolas de Forte da Casa.

De referir que os CTeSP são cursos de dois anos (não conferentes de grau académico) com estágio incluído, que permitem, além do desenvolvimento de competências ligadas aos territórios, o prosseguimento de estudos para licenciaturas, a formação ao longo da vida e o acesso imediato ao mercado de trabalho.

A nova oferta formativa, apoiada financeiramente por fundos europeus dos Programas Operacionais Regionais Centro, Lisboa e Alentejo e do Plano de Recuperação e Resiliência, conta com colaboração de várias empresas e escolas profissionais com sede nos concelhos abrangidos.