Concelhos do distrito de Setúbal integram plataforma de gestão da AML

A Plataforma de Gestão Integrada da Área Metropolitana de Lisboa incentiva os municípios a manterem contacto quanto a excedentes de material ou medidas implementadas.

A Área Metropolitana de Lisboa (AML) colocou em funcionamento uma Plataforma Integrada de Gestão, com vista à partilha de informação entre os municípios integrantes, no que toca a excedentes ou carências de material de proteção, e de medidas implementadas em cada concelho, para serem avaliadas pelos outros municípios quanto à sua implementação.

As autarquias podem referenciar as empresas às quais fizeram as aquisições, de forma a que o contacto seja facilitado aos restantes membros da plataforma, tudo com o objetivo de aumentar a capacidade de resposta ao surto de coronavírus.

Desta plataforma fazem parte Alcochete, Almada, Barreiro, Moita, Montijo, Palmela, Seixal, Sesimbra e Setúbal.