Câmara de Elvas já apoiou 25 instituições no concelho

Os equipamentos de proteção individual chegaram às IPSS e outras instituições numa tentativa de proteger os mais idosos.

A Câmara Municipal de Elvas entregou, desde que surgiu a pandemia de Covid-19, 13.550 máscaras cirúrgicas, 325 máscaras FFP2, 30 fatos de proteção, 46.600 luvas, 20 viseiras e 15 termómetros de infravermelhos e nove litros de álcool gel. Ao todo já foram contempladas 25 IPSS e outras instituições de cariz social.

Estas entregas de material inserem-se num vasto plano municipal que tem mobilizado todos os funcionários, mas também outros elementos das equipas de saúde e segurança, numa tentativa de travar a progressão da doença na região e, em consequência, minorar os efeitos da crise económica acionada pela pandemia.

As IPSS, diz a autarquia, são uma das principais preocupações municipais, uma vez que a doença vítima mais facilmente a população idosa.

Quanto às 25 instituições que receberam equipamentos de proteção individual foram as seguintes: Lar Silva Martins, Lar da Fundação António Gonçalves, Lar de Santa Eulália, Lar da Associação dos Amigos de Vila Fernando, Lar do Cofre de Vila Fernando, Lar da Associação dos Amigos da Terrugem, Lar do Centro Social de Barbacena, Lar da Associação de Assistência de Vila Boim, Lar de São Vicente, Centro de Dia da Boa-Fé, APPACDM de Elvas, Centro Humanitário de Elvas da Cruz Vermelha, Centro de Acolhimento “Os Cucos”, Centro de Acolhimento dos sem Abrigo, Centro de Respostas Integradas, Direção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais, Estabelecimento Prisional de Elvas, Gota d’Arte, Bombeiros Voluntários de Elvas, Agrupamentos de Escolas nºs 1, 2 e 3 de Elvas, Polícia de Segurança Pública, Serviço de Estrangeiros e Fronteiras e Associação InnovPlantProtect.