Reguengos de Monsaraz vai ter espaço de apoio a vítimas de violência doméstica

A câmara municipal e Associação Ser Mulher celebraram um protocolo para criação de local de atendimento.

A Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz e a Associação Ser Mulher assinaram um protocolo de colaboração para a criação de uma estrutura de atendimento a vítimas de violência doméstica no concelho.

A Associação Ser Mulher, instituição particular de solidariedade social, pretende instituir uma resposta específica que permita uma efetiva proteção e apoio às vítimas de violência doméstica, assim como prestar informação e promover ações de sensibilização da comunidade sobre a temática, a violência no namoro e a igualdade de género. A associação disponibiliza, pelo menos uma vez por mês, uma equipa técnica das áreas social, direito e psicologia, com pessoas portadoras de certificação enquanto Técnicas de Apoio à Vitima para prestar o atendimento no concelho.

Por sua vez a autarquia, que irá ceder o espaço físico, vai proceder ao encaminhamento de vítimas de violência doméstica para atendimento, apoio ou acompanhamento e promover a articulação da associação com os estabelecimentos de ensino, instituições particulares de solidariedade social, Comissão de Proteção de Crianças e Jovens, unidades funcionais do Centro de Saúde de Reguengos de Monsaraz, forças de segurança, entre outras instituições.