Desde o início da pandemia distrito regista 2357 infetados

O distrito regista hoje um total acumulado de 2357 casos de Covid-19, mais 35 infetados do que os indicados ontem, domingo, de acordo com os relatórios da Direção Geral de Saúde. De notar que estes números não espelham o número de doentes recuperados nem o número de mortos devido à doença.

Segundo os dados do relatório diário da DGS os treze concelhos do distrito registam esta segunda-feira, um total acumulado de 2357 casos de infeção pela Covid-19, mais 35 casos em relação ao dia de ontem, domingo.

O relatório da DGS dá conta que os concelhos do Seixal e Almada, os mais populosos do distrito, continuam a ser os mais atingidos pelo novo coronavírus, com 587 e 584, respetivamente. De ontem para hoje, Seixal conta com três doentes ativos e Almada com mais sete. Logo a seguir, e mantendo a tendência das últimas semanas, surgem os concelhos do Barreiro e da Moita, o primeiro com 329 doentes e o segundo com 298, sendo que de domingo para segunda, o Barreiro manteve o mesmo registo e a Moita atingiu um número preocupante de mais vinte doentes.

Seguindo a rota dos concelhos do distrito, seguem-se Setúbal, com 185, mais dois do que na véspera, e Montijo, com 162, mantendo, segundo a DGS, o mesmo registo do dia anterior. Segue-se Sesimbra e Palmela, com 63 e 60 casos ativos registados, os mesmos do que relatados na véspera. O mesmo sucede com Alcochete, que fecha o índice da doença no que se refere à Península de Setúbal, com 9 infetados, sem alteração em relação à véspera.

No que se refere aos quatro concelhos do distrito que fazem parte do Litoral Alentejano, Santiago do Cacém acumula 23 casos, Grândola 20, Alcácer do Sal 9 e Sines 8. Em relação ao dia anterior, a única alteração registou-se no concelho de Grândola que soma mais um doente.

 

Números da AML e a nível nacional

Segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) desta segunda-feira, a região de Lisboa e Vale do Tejo regista mais 225 novos casos, num total acumulado de 18 977, sendo que já foram declarados 468 óbitos devido à doença.

No total, desde o início da pandemia, Portugal registou já 41 912 casos de Covid-19 e 1 568 pessoas morreram devido à doença, quatro nas últimas 24 horas. O número de recuperados da doença era à data de hoje 27 205.

O relatório também indica que 1 498 pessoas aguardam resultados laboratoriais e estão sob vigilância pelas autoridades de saúde 31 310 pessoas.