Montijo saúda triunfo de Rúben Guerreiro em etapa do Giro

Jovem ciclista é agora o líder do Prémio da Montanha numa das três mais importantes provas do calendário internacional.

O município do Montijo saudou publicamente o triunfo do ciclista Rúben Guerreiro, natural do concelho, pelo triunfo obtido no domingo, na 9ª etapa do Giro, a Volta a Itália em Bicicleta.

O triunfo numa etapa de alta montanha, uma das consideradas mais difíceis da competição, guindou o ciclista natural do Colunato de Pegões, para o topo da classificação do Prémio da Montanha, fazendo com que Portugal tenha agora dois líderes em competição, pois João Almeida lidera a geral individual.

Nuno Canta, presidente da Câmara Municipal do Montijo e antigo ciclista, afirmou ao Semmais Digital que o triunfo de Rúben Guerreiro engrandece o concelho e reforça a responsabilidade do município na promoção do desporto. “Fez uma prova extraordinária, de querer e inteligência, triunfando numa das montanhas mais difíceis e em condições atmosféricas muito difíceis. É com enorme satisfação que, no Montijo, saudamos este triunfo”, disse.

O ciclista, que representa a EF Pro, ocupa agora o 31º lugar da classificação geral, a 16.26 minutos do primeiro, o compatriota João Almeida. O triunfo na etapa de domingo deu-lhe ainda o direito de se tornar o primeiro português a vestir a camisola azul, símbolo de melhor trepador (Acácio da Silva, há mais de 20 anos, também esteve à frente neste prémio, não tendo chegar a vestir a camisola por, na altura, estar à frente da geral, tendo assim direito à camisola rosa).