Mais 42 pessoas infetadas no Lar da Misericórdia de Sines

Mais 42 pessoas do Lar da Santa Casa da Misericórdia de Sines estão infetadas com o vírus que provoca a Covid-19, num surto que já regista uma vítima mortal e um utente hospitalizado, foi hoje revelado.

A deteção destes 42 novos casos, dos quais 35 são utentes e sete funcionários do lar de idosos, foi hoje divulgada numa conferência de imprensa conjunta da câmara, da Santa Casa da Misericórdia de Sines e da Unidade de Saúde Pública do Litoral Alentejano, realizada nos Paços do Concelho.

O surto de Covid-19 no Lar Prats da Misericórdia foi identificado no sábado, com os primeiros dois casos de utentes infetados, um deles uma mulher que morreu na segunda-feira no Hospital do Litoral Alentejano (HLA), em Santiago do Cacém, onde está também internado o outro idoso.

No total, no Lar Prats da Misericórdia de Sines, que tem 200 residentes, já foram infetadas pelo vírus que provoca a covid-19 44 pessoas, nomeadamente 37 utentes – incluindo a vítima mortal e o idoso internado – e sete funcionários.

Na sequência destes dois primeiros casos, foram realizados mais de 100 testes de rastreio ao novo coronavírus SARS-CoV-2, entre utentes e profissionais do lar, cujos resultados foram hoje divulgados.