GNR apreende arma de fogo a alegado agressor de violência doméstica

O homem foi constituído arguido, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Setúbal.

O Comando Territorial de Setúbal, através do Posto Territorial de Palmela apreendeu, sábado, uma arma de fogo no âmbito de uma denúncia por violência doméstica, em Palmela.

“No âmbito de uma denúncia por violência doméstica em que o agressor, um homem de 53 anos, ameaçava a vítima, sua companheira de 39 anos, com recurso a uma arma de fogo, os militares da Guarda realizaram uma busca domiciliária que culminou com a apreensão de uma arma de fogo sem registo ou qualquer tipo de documentação, a qual foi apreendida como medida cautelar”, lê-se numa nota da GNR.

O suspeito foi constituído arguido, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Setúbal.